Energia

Lâmpada permanece acesa sem energia

Lâmpada permanece acesa sem energia

Qual o sentido de se ter no ambiente uma lâmpada que, depois de desligado o interruptor, permanece acesa por até 24 horas? A empresa Glow-Lux, que lançou a novidade, espera que, além de tomar lugar de luzes de emergência e no-breaks, sua criação possa também atender a necessidades de pessoas idosas e crianças, que necessitam de uma certa luminosidade para se locomover por corredores e escadas ou para dormir mais tranqüilamente.

Externamente, a lâmpada não difere das lâmpadas fluorescentes compactas que se tornaram padrão da indústria depois do apagão. A nova lâmpada demora cerca de 15 minutos para se carregar, permanecendo acesa por até 24 horas após a interrupção de energia, fornecendo iluminação de emergência para momentos de queda do fornecimento de eletricidade. A iluminação fornecida, após a interrupção do fornecimento de energia, é de alta intensidade por cerca de uma hora, decaindo a seguir, mantendo um ambiente de penumbra no restante do tempo.

A nova lâmpada está chamando a atenção dos militares norte-americanos, que a estão avaliando para utilização em instalações militares e de segurança. Empresas de elevadores também estão analisando seu uso.

Outra possibilidade muito interessante da nova lâmpada é a sua utilização como lanterna, uma vez que ela continua brilhando mesmo que retirada do seu bocal.

O funcionamento da nova lâmpada se baseia em uma mistura de fósforo e aluminato de estrôncio (não radioativo), armazenados em um tubo fluorescente compacto. O material garante que, mesmo que a lâmpada se quebre, seus pedaços continuarão brilhando onde caírem.

A nova lâmpada ainda não está disponível no Brasil.





Outras notícias sobre:

Mais Temas


 Receba nossas notícias
em seu e-mail 


Siga o Site Inovação Tecnológica no Twitter

Notícias relacionadas

Nanopartícula amplifica luz

Cimento brilha alimentado por luz solar

Tecidos de luz dão nova cara à iluminação residencial

Lâmpadas incandescentes superam LEDs reciclando calor

Diodo para fótons individuais

Câmeras infravermelhas vão ficar coloridas


Mais lidas na semana

Seda conserva frutas frescas sem refrigeração

Descobertos 1.284 exoplanetas, 9 na zona habitável

IBM apresenta memória com três bits por célula

Antenas de celular medem chuva com precisão

Descoberta estrela com "motor interno" diferente do Sol

Cacto coloca um carro elétrico mais perto da sua garagem

Como ferver água de forma mais eficiente

Célula solar híbrida bate recorde com 25,5% de eficiência