Plantão

Edital de Inovação da Indústria disponibiliza R$400 mil por projeto

Edital de Inovação da Indústria

O SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) e o SESI (Serviço Social da Indústria) estão oferecendo até R$ 400 mil para projetos que se proponham a desenvolver produtos, processos e serviços arrojados.

Criado em 2004, o edital Edital de Inovação da Indústria fica aberto durante todo o ano e, a partir de 2017, abrange seis categorias.

Com a participação do SEBRAE, agora empresas emergentes (startups) e companhias de pequeno porte podem concorrer aos recursos, que totalizam R$ 53,6 milhões.

Com o dobro de projetos contemplados no ano passado, o ciclo atual abrange 12 estados. O prazo de desenvolvimento dos projetos é de 24 meses.

Não precisa pagar

"Ao final desse período, a empresa tem um protótipo para ser validado junto ao mercado e pode dar continuidade a isso, para começar a produção em série, industrial, e transformar em produto final. Neste cenário de crise, está cada vez mais raro e difícil conseguir esse recurso de subvenção, que não precisa ser reembolsado pela empresa. O Sebrae também auxilia na inserção desses produtos no mercado, qualificando em capacitação e gestão," disse o gerente de Acesso à Inovação e Tecnologia do Sebrae, Célio Cabral.

Além disso, para a concretização dos projetos, as empresas selecionadas recebem orientações de especialistas dos Institutos de Inovação e Tecnologia do SENAI.

Os prazos para desenvolvimento e os valores de financiamento dos projetos variam conforme a categoria. O edital acolhe diversos temas, que vão de higiene ocupacional e longevidade a métricas para a saúde.

Podem ser inscritas, por exemplo, propostas de adaptações e customizações de novas tecnologias. Um dos vencedores da categoria de médias e grandes empresas envolve a aplicação do ozônio na cadeia têxtil. Os resultados são anunciados periodicamente e as ideias recusadas podem ser revistas e reenviadas.





Outras notícias sobre:

Mais Temas