Materiais Avançados

Invisibilidade: Objetos 3D aparecem como planos

Invisibilidade: Objetos 3D aparecem como planos
Se você ainda não consegue mover montanhas, pelo menos poderá escondê-las.[Imagem: QMUL]

Aplainando o terreno

A coisa não some diante dos seus olhos, mas fazer um objeto 3D aparecer como plano, ou vice-versa, pode ter grande utilidade quando se trata de antenas - antenas de todos os tipos, dos celulares às grandes antenas de transmissão.

Luigi La Spada e seus colegas da Universidade Rainha Maria de Londres usaram nanopartículas dispersas sobre uma superfície para criar um material compósito que faz com que superfícies curvas e irregulares pareçam ser planas para as ondas eletromagnéticas.

Ajustando o material para a frequência de uma determinada banda de comunicações será possível simplificar a forma como as antenas são fixadas em sua plataforma ou permitir que antenas de diferentes tamanhos e formatos sejam colocadas em espaços irregulares sem perder a eficiência.

"Pesquisas anteriores já haviam mostrado essa técnica funcionando para uma única frequência. Entretanto, nós demonstramos que ela funciona para uma ampla gama de frequências, tornando-a mais útil para outras aplicações de engenharia, como nanoantenas e para a indústria aeroespacial," disse o professor Yang Hao, coordenador da equipe.

Camuflagem de relevo

O protótipo da camuflagem, baseada na mesma técnica de óptica transformacional que viabilizou os mantos de invisibilidade, foi fabricado recobrindo uma superfície curva com sete camadas de nanopartículas perfeitamente ajustadas para que cada camada tenha uma propriedade elétrica ligeiramente diferente - um nanocompósito de índice graduado.

O efeito é que o objeto curvo que foi recoberto fica invisível para as ondas eletromagnéticas que atingem o metamaterial - em vez de refletirem e denunciarem a presença do objeto, as ondas continuam seu caminho como se nada estivesse lá.

"Talvez mais importante, este enfoque pode ser aplicado a outros fenômenos físicos que são descritos por equações de onda, como a acústica. Por isso, acreditamos que esse trabalho terá um grande impacto industrial," disse Spada.

Bibliografia:

Surface Wave Cloak from Graded Refractive Index Nanocomposites
L. La Spada, T. M. McManus, A. Dyke, S. Haq, L. Zhang, Q. Cheng, Y. Hao
Nature Scientific Reports
Vol.: 6, Article number: 29363
DOI: 10.1038/srep29363




Outras notícias sobre:

Mais Temas