Espaço

Laboratórios mais profundos do mundo - Parte III

Laboratórios subterrâneos mais profundos do mundo - Parte III
Há múltiplos níveis na mina de Pyhasalmi que poderão ser utilizadas como laboratórios.[Imagem: CUPP]

Centro de Física Subterrânea em Pyhasalmi

A Universidade de Oulu, na Finlândia, opera o laboratório Cupp dentro da segunda mina mais profunda da Europa, a Mina Pyhasalmi, de onde são extraídos cobre e zinco.

Como a mina deverá se exaurir até o final desta década, a comunidade local criou o empreendimento Callio Lab (CLAB), para alugar espaço para instituições de pesquisas acadêmicas e industriais. O nível principal, a 1.420 metros de profundidade, abriga todos os equipamentos, escritórios e restaurantes - além da sauna mais profunda do mundo.

O Cupp é um desses inquilinos e seu experimento principal é o EMMA (Experiment with MultiMuon Array), projetado para estudar os raios cósmicos e múons de alta energia que atravessam a Terra, em busca de uma melhor compreensão das interações entre as partículas atmosféricas e cósmicas.

O Cupp também realiza algumas medições do fluxo de múons e faz pesquisas sobre radiocarbono para os futuros cintiladores líquidos que serão instalados no laboratório 2, a 1.430 metros de profundidade.

Instalação Subterrânea de Pesquisas Sanford

Laboratórios subterrâneos mais profundos do mundo - Parte III
Pesquisadores brasileiros foram convidados para participar do experimento DUNE sobre neutrinos, que será instalado no Sanford. [Imagem: Sanford Lab]

O Sanford Lab é o mais profundo laboratório de física subterrâneo dos Estados Unidos e está na antiga Mina de Ouro Homestake, em Dakota do Sul. Foi lá que Ray Davis fez sua experiência com neutrinos solares, que usou um fluido de limpeza a seco para contar neutrinos do Sol, o que lhe valeu o Prêmio Nobel de Física em 2002.

O experimento encontrou apenas um terço dos neutrinos que se esperava, um resultado que passou a ser conhecido como o "problema do neutrino solar". Em 1998, o Kamioka e o SNO descobriram as oscilações dos neutrinos, que provou que os neutrinos mudavam de um tipo para outro conforme viajam até a Terra.

A instalação abriga agora o experimento LUX, que está procurando a matéria escura), o Demonstrador Majorana, que pesquisa as propriedades dos neutrinos) e estudos geológicos, de engenharia e biológicos.

O Sanford Lab também será a sede do DUNE (Deep Underground Neutrino Experiment), que usará detectores cheios com 70.000 toneladas de argônio líquido para estudar neutrinos enviados através da terra pelo Fermilab, a 1.480 km de distância.

Laboratório Subterrâneo Modane

Laboratórios subterrâneos mais profundos do mundo - Parte III
[Imagem: LSM]

Especial Laboratórios Subterrâneos

Kamioka

Sanford

Stawell

Modane

Boulby

Baksan

INO

Água Negra

Gran Sasso

SNOLAB

Pyhasalmi

Jinping

Localizado em Modane, na França, acessível a partir do meio do túnel rodoviário de Fréjus, o laboratório multidisciplinar hospeda experimentos em física de partículas, nuclear e astrofísica, ciências ambientais, biologia e nano e microeletrônica.

As principais atividades de física fundamental do Modane Lab incluem o SuperNEMO e o Edelweiss, que estudam a física dos neutrinos e tentam detectar a matéria escura, respectivamente.

O laboratório também abriga experimentos internacionais em colaboração com o Instituto Conjunto de Pesquisa Nuclear, em Dubna, na Rússia e com a Universidade Técnica Checa, em Praga.





Outras notícias sobre:

Mais Temas