Nanotecnologia

Máquina de costura microscópica usa laser para costurar molécula de DNA

Redação do Site Inovação Tecnológica - 11/07/2008

Máquina de costura microscópica usa laser para costurar molécula de DNA
[Imagem: RSC Publishing]

Nesta semana, cientistas japoneses anunciaram a construção da primeira molécula de DNA artificial.

Agora, uma outra equipe, também do Japão, demonstrou o funcionamento de uma máquina de costura microscópica, capaz de costurar longas cadeias de DNA sem quebrá-las. O instrumento é uma forma inédita de lidar com as delicadas cadeias de DNA sem danificá-las.

Marcadores genéticos

Para detectar problemas genéticos, os cientistas utilizam marcadores genéticos, uma espécie de "sonda" que somente se liga a cadeias de DNA muito similares. Construindo marcadores genéticos típicos de determinada anomalia, os cientistas conseguem verificar sua existência ou não no paciente.

Na prática, esta técnica tem inconveniente de ser muito lenta. Os marcadores genéticos são detectados por fluorescência. Mas, depois que eles se ligam a uma outra molécula, eles ficam totalmente enrolados, o que dificulta muito a sua detecção.

Máquina de costura de DNA

Com a nova máquina de costura de DNA, construída pela equipe do professor Kyohei Terao, da Universidade de Tóquio, torna-se possível capturar a molécula de DNA e esticá-la, facilitando sua localização. A seguir, ela pode também ser enrolada em microcarretéis, para armazenamento temporário.

"Quando uma molécula de DNA é manipulada e esticada por microganchos e laços, a localização genética pode ser determinada facilmente com alta resolução espacial," afirma o Dr. Terao.

Pinças ópticas

Os ganchos e laços dessa microcostura são controlados por uma ferramenta à base de raios laser conhecida como pinça óptica. A precisão e a delicadeza das pinças ópticas permitem que a molécula de DNA seja manipulada sem ser danificada.

O gancho em formato de S que prende a molécula de DNA tem a ponta parecida com a de um anzol, o impede que a molécula escape. Depois de presa, a molécula pode ser movida à vontade por meio das pinças ópticas. Ela também pode ser desenrolada e enrolada ao redor de peças artificiais.

Os pesquisadores afirmam que essa nova técnica de costura permitirá a construção de moléculas de DNA artificialmente grandes, além de poder ser utilizada em seqüenciamento genético e até mesmo em eletrônica molecular.

Bibliografia:

On-site manipulation of single chromosomal DNA molecules by using optically driven microstructures
Kyohei Terao, Masao Washizu, Hidehiro Oana
Lab on a Chip
July 2008
Vol.: Online before print
DOI: 10.1039/b803753a
Outras notícias sobre:

Mais Temas