Mecânica

Muro de Vento simula ciclone categoria 5

Muro de Vento simula ciclone categoria 5
O Muro de Vento, que mede 5 metros de altura, é composto por 12 superventiladores.[Imagem: UIF/NSF]

Ciclone artificial

Batizado de "Muro de Vento", este novo equipamento pretende estudar o impacto que os ciclones têm sobre obras e construções civis.

Composto por 12 ventiladores gigantes, o conjunto consegue recriar a intensidade de um ciclone categoria 5, com ventos de mais de 250 quilômetros por hora.

O WOW (Wall of Wind) foi construído pela Fundação Nacional de Ciências dos Estados Unidos, e está localizado na Universidade Internacional da Flórida.

Seu principal objetivo é o de aferir como estruturas e materiais de construção reagem às forças do vento, permitindo construir obras civis que consigam suportar um furacão de grandes proporções.

"Nosso objetivo de longo prazo é evitar que os ventos se transformem em desastres," disse Kishor Mehta, da NSF.

Resistência ao vento

O Muro de Vento não é adequado apenas para estudar os casos mais drásticos.

Ele pode ser acelerado conforme a necessidade, produzindo ventos mais amenos, para testar, por exemplo, a resistência de estruturas postas sobre o teto dos edifícios, como trocadores de calor de sistemas de ar-condicionado e painéis solares.

"Este laboratório permitirá que os engenheiros façam medições precisas da interação do vento com os prédios, além de fornecer evidências visíveis da vulnerabilidade dos materiais de construção à força dos ventos de um ciclone. Essa combinação de pesquisa básica com evidência visual possibilitará que façamos construção mais seguras a preços razoáveis," completou Mehta.

Os primeiros trabalhos com do Muro de Vento estão analisando a resistência de painéis solares e de telhas especiais contra vento, que são coladas para não saírem voando durante uma tempestade.





Outras notícias sobre:

Mais Temas