Mecânica

O poder de uma geladeira em seu bolso

O poder de uma geladeira em seu bolso
O material sólido e fino amolda-se facilmente ao interior dos aparelhos eletrônicos, podendo atuar sobre baterias, processadores ou outros componentes. [Imagem: Rujun Ma et al. - 10.1126/science.aan5980]

Eletrocalórico

Um dispositivo leve e flexível usa as propriedades eletrostáticas de uma fina película de polímero para fornecer uma excepcional energia de resfriamento.

Esta pode ser uma alternativa para a secular tecnologia a compressor das geladeiras e ar-condicionados atuais, que gastam muita energia, e aos materiais eletrocalóricos e magnetocalóricos, que apresentam uma mudança de temperatura reversível sob um campo elétrico, mas que ainda custam caro e não são muito eficientes.

Rujun Ma, da Universidade da Califórnia em Los Angeles, identificou um tipo de polímero ferroelétrico que apresenta um grande grau de mudança de entropia, e usou o material para criar uma película fina.

Ele fabricou camadas do filme e as colocou entre uma fonte de calor e um dissipador de calor. Quando um campo elétrico é aplicado através do filme, sua temperatura aumenta. O calor é transferido através do filme para o dissipador de calor, o que resulta em um efeito de resfriamento.

Resfriando bateria de celular

O desempenho deste dispositivo simples e leve torna a tecnologia de refrigeração de estado sólido competitiva com outras técnicas, especialmente para refrigerar sistemas em pequena escala.

A equipe demonstrou isto fabricando um dispositivo que se conforma à bateria de um celular. O protótipo manteve a bateria 8° C mais fria em condições normais de operação.

Bibliografia:

Highly efficient electrocaloric cooling with electrostatic actuation
Rujun Ma, Ziyang Zhang, Kwing Tong, David Huber, Roy Kornbluh, Yongho Sungtaek Ju, Qibing Pei
Science
Vol.: 357, Issue 6356
DOI: 10.1126/science.aan5980




Outras notícias sobre:

Mais Temas