Nanotecnologia

Nova técnica produz nanotubos de carbono individuais com propriedades definidas

Redação do Site Inovação Tecnológica - 06/02/2008

Produzindo nanotubos individuais

Uma equipe de químicos dos Estados Unidos conseguiu pela primeira vez sintetizar nanotubos de carbono individuais. As técnicas disponíveis até hoje produzem grandes quantidades de nanotubos de uma vez só, com a grande desvantagem de que os nanotubos produzidos são totalmente heterogêneos.

Propriedades definidas

Produzir essas minúsculas nanoestruturas uma por uma pode não parecer a melhor abordagem rumo à sua produção em escala industrial. Contudo, as propriedades mecânicas e eletrônicas dos nanotubos são inteiramente dependentes de suas estruturas - nanotubos de espessura diferentes, com diferentes ângulos de quiralidade ou simplesmente de tamanhos diferentes, podem ter propriedades também diferentes.

Ângulos de quiralidade

A equipe coordenada pelo professor Wei Zhao, da Universidade de Arkansas, conseguiu produzir nanotubos semicondutores com pureza praticamente definida, com ângulos de quiralidade que podem ser controlados de acordo com a temperatura em que se dá a reação.

Produção em larga escala

Ainda não é possível afirmar que a nova técnica poderá ser ampliada para a produção em larga escala de nanotubos de carbono com características bem controladas. Mas, para transformarem em realidade todo o seu potencial de revolucionar o campo da eletrônica, será necessário encontrar formas de se fabricar nanotubos com características precisamente definidas. E o trabalho da equipe do Dr. Zhao está definitivamente neste caminho.

Bibliografia:

Selective Synthesis Combined with Chemical Separation of Single-Walled Carbon Nanotubes...
Xiaolin Li, Xiaomin Tu, Sasa Zaric, Kevin Welsher, Won Seok Seo, Wei Zhao, Hongjie Dai
Journal of the American Chemical Society
December 26, 2007
Vol.: 129, No. 51 - pp 15770 - 15771
DOI: 10.1021/ja077886s
Outras notícias sobre:

Mais Temas