Robótica

Robô de espuma constrói seu próprio corpo

Robô de espuma constrói seu próprio corpo
Um robô de espuma transmorfo assume a forma de um quadrúpede. [Imagem: UPenn]

Robô transmorfo

Ele não fica bonito, e não tem nenhuma aparência high-tech.

Em compensação, como qualquer transmorfo, o robô de espuma pode assumir qualquer formato, fabricando seu próprio corpo de acordo com a tarefa que deve cumprir.

A ideia é do professor Shai Revzen, da Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos.

Ele pretende que seus robôs se construam de acordo com o ambiente, o que permitirá que eles sejam enviados para lidar com situações desconhecidas, em locais desconhecidos.

É caso, segundo eles, de áreas afetadas por desastres naturais, ou de explorações interplanetárias.

Nave-mãe robótica

Robô de espuma constrói seu próprio corpo
A "nave-mãe" libera os módulos e coordena o sistema de aspersão da espuma de uretano. [Imagem: UPenn]

O robô é inicialmente uma espécie de "nave-mãe", contendo uma série de blocos básicos, dotados de rodas e capazes de comunicarem-se uns com os outros, de modo a se movimentarem de forma sincronizada.

A nave-mãe tem também uma estação com reagentes químicos que, quando misturados, saem por um bocal na forma de uma espuma de uretano, semelhante à que se compra em lojas de materiais de construção para tapar buracos em casa.

Identificada a situação, a nave-mãe libera os blocos, orientando-os a se posicionar nas posições adequadas para dar origem à forma do corpo adequada à situação.

Em seguida, o bocal dispara a espuma, formando o corpo do robô de espuma.

Outras tarefas

O conceito é incipiente e, embora o software já seja capaz de coordenar os movimentos de cada um dos blocos para que o robô inteiro se mova, ele ainda não é autônomo.

Os pesquisadores já demonstraram o funcionamento de "corpos" em formato de quadrúpedes e cobras.

E o sistema também funciona para tarefas auxiliares, usando a espuma para escorar portas ou recobrir objetos suspeitos ou perigosos.





Outras notícias sobre:

Mais Temas