Mecânica

Tecnologia permite que uma ponte seja construída em duas semanas

Tecnologia permite que uma ponte seja construída em duas semanas
[Imagem: Peter Harryson]

Utilizando materiais de construção de última geração, métodos de produção industrial e um processo de construção eficiente, é possível construir uma ponte em apenas duas semanas. Foi o que demonstrou o pesquisador Peter Harryson, da Universidade de Chalmers, na Suécia.

Construindo pontes com inteligência

Ele batizou o seu conceito de i-bridge, para denotar a construção de uma ponte com inteligência. A ponte é formada por seções muito leves que devem ser fabricadas em ambiente e ritmo industriais e montadas no local.

Os suportes da i-bridge são formados por vigas em formato de V feitas de fibra de vidro e reforçadas em sua parte inferior com fibra de carbono. As vigas interagem diretamente com a seção de rolamento da ponte, por onde os carros passam. Essa seção de rolamento é extremamente delgada, graças à utilização de um concreto reforçado por fibras de aço.

Vida útil da ponte

Como todos esses materiais são muito duráveis, o pesquisador acredita que uma i-bridge deverá ter um ciclo de vida muito superior ao de todas as pontes construídas hoje. Em sua pesquisa, ele relata não ter encontrado relato da utilização desses materiais em pontes até o momento.

Harryson calcula que, levando-se em conta tão-somente o custo da construção, o novo tipo de ponte custaria hoje mais do que o dobro de uma ponte convencional. Esse quadro, porém, poderia mudar, caso o projeto levasse em conta o menor tempo de construção, o menor impacto ambiental e a maior vida útil esperada da nova ponte.





Outras notícias sobre:

Mais Temas