Meio ambiente

Turbina que explora energia das marés pronta para ser instalada

Turbina que explora energia das marés pronta para ser instalada
A turbina de demonstração mede 16 metros de comprimento por 20 metros de altura.[Imagem: Tidal Energy Ltd]

Energia das marés

Um novo gerador de energia a partir do movimento das marés está pronto para ser instalado no País de Gales.

Embora esteja sendo considerado um protótipo, o equipamento está na escala total prevista no projeto da empresa Tidal Energy Ltd.

O conceito de exploração da energia das marés é diferente da exploração da energia das ondas, embora ambas sejam formas de geração hidroelétrica.

Como as marés são geradas pela influência gravitacional do Sol e da Lua sobre a Terra, o movimento cíclico dos oceanos que produz as marés é mais previsível e constante.

Pesando 150 toneladas, o equipamento tem a altura de um prédio de sete andares e pode gerar 400 kW girando lentamente conforme o deslocamento das marés.

A baixa velocidade é um dos principais argumentos da empresa, que afirma que isto diminui o risco de impacto ambiental.

Além disso, a energia das marés é considerada verde e totalmente renovável.

Turbina que explora energia das marés pronta para ser instalada
Projeto para geração hidroelétrica a partir das marés. [Imagem: Tidal Energy Ltd]

Fazenda marinha

A turbina subaquática deverá funcionar por um período de testes de 12 meses, com a energia gerada já interligada à rede de distribuição.

Se o teste for bem-sucedido e o equipamento se mostrar confiável, a empresa pretende instalar uma fazenda submarina de geradores com uma capacidade de 10 MW, suficiente para abastecer 10.000 residências.

O projeto da fazenda marinha é baseado na colocação de bases triangulares que se assentam por gravidade no fundo marinho, evitando a necessidade de perfurações.

Isto reduz os custos de instalação e de manutenção.

Segundo a empresa, a colocação de três turbinas em uma única estrutura maximiza a energia média gerada, garantindo um fornecimento mais uniforme à rede.

Outra empresa está testando a exploração da energia das marés para geração de eletricidade desde 2007 na Irlanda do Norte, mas usando turbinas individuais fixadas no solo oceânico.





Outras notícias sobre:

Mais Temas