Robótica

Robô é capaz de se reconstruir depois de destruído

Roboticistas da Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos, construíram um robô com uma habilidade única: depois de desmontado ele é capaz de localizar suas peças, ordená-las e colocá-las no lugar, reconstruindo a si mesmo.

Robô fênix

O CKbot, como foi batizado o robô que renasce dos seus próprios pedaços, foi idealizado pela equipe do professor Mark Yim.

O CKbot é formado por 15 módulos individuais que operam como três clusters de cinco módulos cada um.

Cada módulo individual contém o seu próprio computador, bateria e programa para atuar de forma independente. Cada módulo é ainda equipado com sensores de proximidade e uma junção motorizada que permite que ele gire 180 graus.

Todos os módulos também possuem uma câmera digital capaz de capturar até 20 quadros por segundo, um LED que fica piscando constantemente e um acelerômetro. É a operação conjunta desses três mecanismos que permite que o robô localize suas próprias partes depois que ele é desmontado e se reconstrua.





Outras notícias sobre:

    Mais Temas