Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Robótica

Panasonic apresenta robô que lava cabelos

Redação do Site Inovação Tecnológica - 13/10/2010


Robôs assistentes

Se os robôs estão para se tornar ajudantes de fato, talvez seja melhor esquecer um pouco o glamour dos androides com aspecto futurista.

Pelo menos essa é a impressão causada por dois robôs apresentados na última semana pela empresa Panasonic, durante uma feira realizada em Tóquio.

A cama elétrica que vira uma cadeira de rodas ao apertar de um botão e o robô que lava cabelos deverão chegar rapidamente aos hospitais e residências, graças ao seu potencial para ajudar nos cuidados de pacientes debilitados e idosos.

Talvez um maior cuidado no design pudesse ter deixado os dois equipamentos mais atraentes, mas eles representam o que de melhor se pode obter com a tecnologia atual em termos de robôs assistentes. E, neste caso, o mais importante era a funcionalidade.

Panasonic apresenta robô que lava cabelos
A cama elétrica que vira uma cadeira de rodas ao apertar de um botão.
[Imagem: Panasonic]

Cama robótica

A RoboticBed (cama robótica) tem uma estrutura simplificada, com o menor número possível de motores.

Com isto, o usuário pode separar e reunir a cadeira de rodas de maneira mais fácil, reduzindo o risco de quedas.

A adoção de uma suspensão pneumática e de rodas suplementares ajuda na operação do equipamento.

Mensagens de voz sintetizadas e LEDs sinalizadores também alertam o usuário quando a cama ou a cadeira estão prontas para serem utilizadas.

Panasonic apresenta robô que lava cabelos
Os dois braços robóticos rastreiam a cabeça em três dimensões e em tempo real, reagindo a qualquer movimento do usuário.
[Imagem: Panasonic]

Robô que lava cabelos

O robô lavador de cabelos foi desenvolvido para ajudar enfermeiros em hospitais e cuidadores de idosos. A empresa partiu de entrevistas com esses profissionais de saúde, que afirmaram não conseguir atender aos pedidos dos pacientes pelo tempo que a tarefa leva.

A parte central do equipamento são dois braços, dotados de duas mãos robóticas com nada menos do que 8 dedos cada uma.

Movendo-se com precisão e sensibilidade ao contato, os 16 dedos robóticos esfregam e enxáguam os cabelos "com a destreza de dedos humanos," segundo a empresa.

Os dois braços robóticos rastreiam a cabeça em três dimensões e em tempo real, reagindo a qualquer movimento do usuário.

O computador também retém na memória o formato preciso da cabeça de cada paciente, de forma a aplicar sempre a intensidade adequada de pressão quando esfrega e massageia os cabelos. Ele também pode guardar a massagem preferida de cada um.







Outras notícias sobre:
  • Robôs Assistentes
  • Saúde e Reabilitação
  • Saúde e Reabilitação
  • Robôs

Mais tópicos