Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Nanotecnologia

Cientistas constroem biochip com DNA desenrolado

Redação do Site Inovação Tecnológica - 23/12/2005

Cientistas constroem biochip com DNA desenrolado

A ciência já descobriu que a hélice é um dos formatos mais eficientes para o armazenamento de informações. Não é à toa que o nosso DNA - a molécula que guarda todas as nossas informações vitais - tem esse formato.

Mas agora, cientistas da Universidade do Estado de Ohio, Estados Unidos, resolveram "desenrolar" a molécula de DNA e descobriram que ela pode se tornar muito útil na construção de biochips, pequenos circuitos eletrônicos capazes de detectar compostos químicos e biológicos.

Esses chips, que fazem uma ponte entre a eletrônica e a biologia, poderão permitir a detecção de doenças no próprio consultório médico, sem que o paciente tenha que esperar dias pelo resultado de exames.

Os cientistas James Lee e Jingjiao Guan utilizaram uma espécie de "pente" de borracha para retirar as fitas de DNA em solução em uma gota de água. A seguir, eles as estamparam sobre substratos de silício, o material que é utilizado para a construção de chips de computador.

É possível criar-se estruturas variadas e altamente ordenadas, algumas tão complexas que lembram uma costura em tecido.

"Esses fios são tão longos e finos que podem ser montados em padrões para a eletrônica molecular e a fabricação de biosensores," diz Lee. "E, em nosso caso, nós queremos construir ferramentas para transporte genético, recombinação de DNA e, talvez, no futuro, até mesmo reparos genéticos."

Os fios mais longos têm um milímetro de comprimento e apenas um nanômetro de espessura. Para se ter uma idéia dessa proporção, basta pensar em um fio de cabelo humano com 10 metros de comprimento. E os cientistas conseguem posicionar seus nanofios com total precisão.

Agora será necessário desenvolver uma técnica para se fabricar e montar os nanofios em larga escala, para que eles possam vir a ser utilizados em biochips prontos para uso.

A pesquisa foi publicada no último exemplar da revista Proceedings of the National Academy of Sciences.







Outras notícias sobre:
  • Biochips
  • Biotecnologia
  • Biomecatrônica
  • Micro e Nano Robôs

Mais tópicos