Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Espaço

Avião espacial reutilizável agenda primeiro voo

Redação do Site Inovação Tecnológica - 15/08/2019

Avião espacial reutilizável agenda primeiro voo
Visualização artística do avião espacial "Caçador de Sonhos".
[Imagem: SNC]

Avião espacial

Com a aposentadoria dos ônibus espaciais, pode estar começando a era dos aviões espaciais.

O Dream Chaser (Caçador de Sonhos), construído pela empresa Sierra Nevada Corporation, finalmente encontrou um foguete para impulsioná-lo ao espaço.

O foguete, que deverá levar a pequena nave até a Estação Espacial Internacional será o Vulcan, um veículo de lançamento atualmente em desenvolvimento pela ULA (United Launch Alliance), uma associação entre a Lockheed Martin e a Boeing.

Embora nem o Dream Chaser e nem o foguete Vulcan jamais tenham ido ao espaço, a Sierra Nevada recentemente foi contratada pela NASA para uma série de voos de reabastecimento da ISS - pelo menos seis -, juntando-se a duas outras empresas privadas que já enviam carga e experimentos para a Estação Espacial, a SpaceX e a Orbital ATK.

"[O Dream Chaser] é o único avião espacial de propriedade privada no mundo que existe e que é capaz de decolar e aterrissar em uma pista e é reutilizável. Nosso primeiro lançamento será em 2021, então mal podemos esperar para ter a primeira missão bem-sucedida," disse Fatih Ozmen, presidente da empresa durante uma cerimônia para apresentação dos planos de voo.

Avião espacial reutilizável agenda primeiro voo
As primeiras missões não serão tripuladas, levando cargas para a ISS.
[Imagem: SNC]

Avião espacial

O avião espacial é bastante parecido com o projeto HL-20 (Horizontal Lander) da NASA, que nunca passou de um protótipo.

Com 9 metros de comprimento, 7 metros de envergadura e 16 metros cúbicos de área útil, a nave foi projetada para levar até seis passageiros ao espaço, mas a versão que está pronta e prepara-se para voar em 2021 é voltada apenas para cargas, e sua capacidade para transportar astronautas ainda deverá ser aferida pela NASA.

No final das missões de carga, o Dream Chaser fará uma reentrada na atmosfera, do mesmo modo como faziam os ônibus espaciais, devendo pousar no Centro Espacial Kennedy, na Flórida.

Depois de uma inspeção e reabastecimento, ele estará pronto para voar de novo. Um dos planos da empresa para a versão tripulada é utilizá-lo para o turismo espacial.

Avião espacial reutilizável agenda primeiro voo
O foguete Vulcan também será um estreante no espaço.
[Imagem: ULA]

Vulcan ou Atlas

O foguete Vulcan, com 58 metros de altura, poderá lançar cargas de até 35 toneladas para a órbita baixa da Terra - o Dream Chaser vazio pesa apenas 9 toneladas. O foguete usa motores desenvolvidos pela empresa espacial Blue Origin, pertencente ao fundador da Amazon, Jeff Bezos.

A ULA, fabricante do foguete, fez uma ressalva de que pode haver atrasos no desenvolvimento do Vulcan, mas que isso não atrapalhará os planos para lançamento do avião espacial porque a empresa possui outro foguete bem testado, o Atlas V, que consegue dar conta do recado.







Outras notícias sobre:
  • Foguetes
  • Sondas Espaciais
  • Estação Espacial Internacional
  • Exploração Espacial

Mais tópicos