Plantão

NASA encomenda primeiro avião supersônico

NASA encomenda primeiro avião supersônico
O protótipo deverá voar sobre cidades dos EUA para aferição do ruído.[Imagem: NASA]

Avião supersônico da NASA

A NASA deu mais um passo em direção à reintrodução dos aviões supersônicos na aviação civil celebrando um contrato para fabricar o primeiro protótipo do X-Avião.

O projeto final do avião supersônico havia sido apresentando em Junho do ano passado.

Agora, a Lockheed Martin Aeronautics foi selecionada para construir o protótipo, cuja grande inovação será a virtual eliminação do estrondo sônico gerado quando um avião supera a barreira de som e que impedia que o Concorde atingisse sua velocidade total sobre áreas habitadas - o "boom" sônico pode quebrar janelas e induzir a ocorrência de acidentes no solo.

X-avião

O modelo em escala deverá viajar a uma altitude de 16.000 metros, a uma velocidade de 1.500 km/h e, ao superar a velocidade do som (pouco mais de 1.200 km/h, dependendo da altitude) deverá produzir um som equivalente ao do fechamento de uma porta de carro - 75 decibéis de nível sonoro percebido.

O contrato, no valor de US$ 247,5 milhões, determina que o protótipo deve estar pronto até o final de 2021.

A partir de meados de 2022, o X-avião deverá voar sobre cidades selecionadas dos EUA e coletará dados sobre a resposta da comunidade sobre os voos. Esse conjunto de dados será fornecido às autoridades dos EUA e internacionais para seu uso na consideração de novas regras para o voo supersônico sobre a terra, o que poderia permitir novos mercados comerciais de carga e passageiros em viagens aéreas mais rápidas do que o som.





Outras notícias sobre:

    Mais Temas