Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Materiais Avançados

Superfícies metálicas podem matar bactérias instantaneamente

Redação do Site Inovação Tecnológica - 17/04/2020

Superfícies metálicas podem matar bactérias instantaneamente
O tratamento muda também o modo como a superfície metálica reage à água.
[Imagem: Vidhya Selvamani et al. - 10.1002/admi.201901890]

Metal antibacteriano

A pandemia da covid-19 trouxe à tona uma questão que merecia pouca atenção do público: a sobrevivência de vírus e bactérias em diferentes superfícies.

No caso das superfícies metálicas - ônibus e metrôs, corrimãos, elevadores etc - a solução pode ser simples e barata.

Engenheiros da Universidade Purdue, nos EUA, criaram um método de tratamento a laser que transforma qualquer superfície de metal em um verdadeiro exterminador de bactérias - apenas dando à superfície do metal uma textura diferente.

A aplicação do laser cria rugosidades, incluindo minúsculas "agulhas" que, embora não sejam detectadas em escala macro - você pode passar a mão sobre o metal que ele continuará lhe parecendo liso -, são suficientes para perfurar a membrana externa das bactérias, levando-as à morte quase instantaneamente.

A técnica matou imediatamente superbactérias - como a MRSA - que se tornaram resistentes aos antibióticos.

Superfícies metálicas podem matar bactérias instantaneamente
A rugosidade mata as bactérias, mas é pequena demais para ser detectada pelo tato humano.
[Imagem: Vidhya Selvamani et al. - 10.1002/admi.201901890]

Implantes antibacterianos

Depois de testar o método de tratamento a laser em amostras de cobre, a equipe começou a aplicar a tecnologia nas superfícies de outros metais e de polímeros. A ideia é reduzir os riscos de crescimento bacteriano e formação de biofilmes em dispositivos como implantes ortopédicos ou curativos aplicados a feridas crônicas.

O tratamento também torna as superfícies mais hidrofílicas - repelentes à água. Isso é uma boa notícia para implantes, já que superfícies assim permitem que as células se fixem mais fortemente, melhorando a integração do implante com o tecido biológico.

Infelizmente a técnica ainda não funciona contra os vírus, como o causador da covid-19, porque esses patógenos são muito menores do que as bactérias.

Bibliografia:

Artigo: Hierarchical Micro/Mesoporous Copper Structure with Enhanced Antimicrobial Property via Laser Surface Texturing
Autores: Vidhya Selvamani, Amin Zareei, Ahmed Elkashif, Murali Kannan Maruthamuthu, Shirisha Chittiboyina, Davide Delisi, Zheng Li, Lirong Cai, Vilas G. Pol, Mohamed N. Seleem, Rahim Rahimi
Revista: Advanced Materials Interfaces
DOI: 10.1002/admi.201901890






Outras notícias sobre:
  • Saúde e Reabilitação
  • Metais e Ligas
  • Raios Laser
  • Processos Industriais

Mais tópicos