Plantão

Inovação com juro zero

Um novo instrumento para oferecer condições especiaispara o financiamento de micro e pequenas empresas inovadoras. Essa é aproposta do Programa Juro Zero, lançado no dia 31 de outubro pelaFinanciadora de Estudos e Projetos (Finep).

O objetivo é beneficiar cerca de 2,5 mil empreendimentos nos próximos 30meses. Inicialmente, o programa será implementado no Paraná, mas outrasquatro localidades serão contempladas até o fim do ano: Bahia, GrandeFlorianópolis, Minas Gerais e Recife.

Segundo a Finep, serão investidos R$ 20 milhões por localidade,divididos em financiamentos que variam entre R$ 100 mil e R$ 900 mil porempresa. No total, serão R$ 100 milhões oriundos do Fundo de Amparo aoTrabalhador (FAT).

As instituições que funcionarão como parceiros estratégicos na primeirafase do programa são: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia,Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia, Federação dasIndústrias do Estado de Minas Gerais, Federação das Indústrias do Estadodo Paraná (Fiep) e Porto Digital, em Recife.

A Finep está em negociações para que o Juro Zero seja implementado emoutras regiões no início de 2006. No Paraná, primeiro estadobeneficiado, a expectativa é atender cem empreendimentos inovadores.

Dirigido a empreendimentos inovadores, com faturamento anual de até R$10,5 milhões, o Programa oferece financiamentos corrigidos apenas peloIPCA, mais 10% ao ano a título de spread. Porém, enquanto a empresa semantiver em dia com os pagamentos, o spread será integralmentesubsidiado com recursos do Fundo Verde-Amarelo.

Outra característica marcante do Programa Juro Zero é a redução daburocracia. Os projetos serão apresentados por meio de um formulárioeletrônico disponível no site da Finep e dos parceiros. Treinadas pelaFinep, essas instituições serão responsáveis pela pré-qualificação daspropostas.





Outras notícias sobre:

Mais Temas