Plantão

Recursos para renovação dos cursos de Engenharia

A Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) anunciou o investimento de R$ 40 milhões na interação entre faculdades de engenharia, setor empresarial e escolas dos níveis médio e técnico.

O Programa de Promoção e Valorização das Engenharias (Promove) será colocado em prática por meio de duas chamadas públicas simultâneas, de R$ 20 milhões cada uma.

Segundo a Finep, a primeira chamada apoiará projetos que combinem atividades de divulgação das áreas de engenharia e aprimoramento contínuo de professores de ciências exatas e naturais do ensino médio.

A segunda destina-se a universidades em consórcio com empresas, para a criação de laboratórios de inovação. Dedicados à pesquisa e ao desenvolvimento de novas idéias, produtos, processos e serviços, os laboratórios deverão ser espaços abertos à interação entre estudantes de graduação, pós-graduação, pesquisadores e técnicos da universidade e empresa.

A iniciativa foi anunciada na quarta-feira (31/5), pelo presidente da Finep, Odilon Marcuzzo, durante o lançamento do Inova Engenharia, programa capitaneado pelo Instituto Euvaldo Lodi (IEL Nacional) e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

A campanha, que conta com a parceria de 17 instituições do setor público e privado, pretende promover uma mobilização nacional em prol da modernização da educação na engenharia, atividade considerada essencial para a inovação tecnológica.





Outras notícias sobre:

Mais Temas