Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Materiais Avançados

Resíduos de conchas e algas marinhas transformam-se em fios para uso médico

Redação do Site Inovação Tecnológica - 12/02/2020

Resíduos de conchas e algas marinhas transformam-se em fios para uso médico
Feita a mistura dos dois componentes, é só ir puxando que o fio fica pronto ao secar.
[Imagem: Rafael Grande]

Biofibras de origem marinha

Pesquisadores da USP de São Carlos fazem parte de uma equipe internacional que criou uma nova classe de biofibras produzidas a partir de resíduos marinhos renováveis.

Rafael Grande e seus colegas fizeram o novo tipo de fibra a partir de uma combinação de nanopartículas de quitina, extraída de resíduos de conchas de caranguejo azul, e alginato, um composto encontrado nas algas marinhas.

Este novo material de base biológica herda a força da quitina e a flexibilidade do alginato. E, além de resistente, ele possui propriedades antimicrobianas.

"O material sintético aproveitou a forte interação entre os componentes, que têm cargas opostas. Nós descobrimos que, quando uma solução de alginato entra em contato com uma suspensão de nanofibras de quitina, o alginato envolve as nanopartículas de quitina, formando fibrilas que se alinham paralelamente à medida que o fio é puxado para cima," conta o professor Orlando Rojas, da Universidade Aalto, na Finlândia, onde os experimentos foram realizados.

Usos médicos

A equipe vê um grande potencial para o material ser usado para coisas como parafusos cirúrgicos e mantas para engenharia interna de tecidos.

Outros usos incluem almofadas e malhas tipo tela para aplicações na pele, para cicatrização de ferimentos, condicionamento da pele e tratamentos para queimaduras.

Agora que demonstraram como produzir as fibras de forma contínua, a equipe pretende se dedicar à ampliação da escala de produção.

Além de Rafael, o professor Antônio Carvalho, também da USP de São Carlos, participou do desenvolvimento da nova biofibra.

Bibliografia:

Artigo: Nanochitins of Varying Aspect Ratio and Properties of Microfibers Produced by Interfacial Complexation with Seaweed Alginate
Autores: Rafael Grande, Long Bai, Ling Wang, Wenchao Xiang, Olli Ikkala, Antonio J. F. Carvalho, Orlando J. Rojas
Revista: Sustainable Chemistry & Engineering
Vol.: 8, 2, 1137-1145
DOI: 10.1021/acssuschemeng.9b06099






Outras notícias sobre:
  • Compósitos
  • Biotecnologia
  • Saúde e Reabilitação
  • Tecidos

Mais tópicos