Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Meio ambiente

Cientistas encontram evidências de bactérias causadoras de chuva

Redação do Site Inovação Tecnológica - 04/03/2008

Cientistas encontram evidências de bactérias causadoras de chuva
Células de gelo em volta de um núcleo bacteriano (pontos verdes) presas em cristais de gelo.
[Imagem: Brent Christner]

Cientistas encontraram evidências de que bactérias possam desempenhar um papel fundamental na formação das chuvas. A equipe, coordenada pelo professor Brent Christner, descobriu que essas bactérias causadoras de chuva estão largamente distribuídas pela atmosfera.

Gelo com núcleo biológico

Ao analisar partículas de gelo da chuva de vários locais do globo, os pesquisadores demonstraram que o núcleo ativo da maioria dessas partículas - um substrato que otimiza a formação do gelo - tem original biológica.

Essas partículas biológicas podem desempenhar um importante papel no ciclo de chuvas, afetando o clima, a produtividade agrícola e até mesmo influenciando no aquecimento global.

Bioprecipitação

A formação de gelo nas nuvens é essencial para a ocorrência da neve e para a maioria das chuvas. Partículas de poeira e fuligem podem servir como núcleo das partículas de gelo, mas os núcleos biológicos são capazes de catalisar o congelamento a temperaturas muito mais altas. Quando estão presentes nas nuvens, o núcleos biológicos de gelo podem afetar o processo que inicia a precipitação da chuva e da neve.

O conceito de bactérias causadoras de chuva não é exatamente novo. "Meu colega David Sands, da Universidade Estadual de Montana, propôs o conceito de 'bioprecipitação' há mais de 25 anos atrás e poucos cientistas o levaram a sério, mas estão começando a se acumular evidências que sustentam essa idéia," comenta Christner.

Agentes patogênicos das plantas

Uma conseqüência inusitada dos resultados dessa pesquisa é a constatação de que a maioria das bactérias causadoras de chuva são agentes patogênicos das plantas. Esses germes podem causar danos nos vegetais por congelamento, e sua imediata contaminação, resultando em efeitos negativos nas plantações e no rendimento agrícola, como quando ocorrem geadas.

"Como normalmente acontece com patogenes bacterianos, outras fases de seu ciclo de vida são freqüentemente ignorados porque o interesse está focado no seu papel na saúde da planta ou do animal," diz Christner. "O transporte através da atmosfera é uma estratégia de disseminação muito eficiente, de forma que a capacidade de um patogene em afetar sua precipitação da atmosfera pode ser vantajoso para a descoberta de novos hospedeiros."

Bibliografia:

Artigo: Ubiquity of Biological Ice Nucleators in Snowfall
Autores: Brent C. Christner, Cindy E. Morris, Christine M. Foreman, Rongman Cai, David C. Sands
Revista: Science
Data: 29 February 2008
Vol.: 319. no. 5867, p. 1214
DOI: 10.1126/science.1149757





Outras notícias sobre:
  • Monitoramento Ambiental
  • Impactos sobre o Meio Ambiente
  • Biotecnologia
  • Poluição

Mais tópicos