Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Informática

Copiloto inteligente evita colisão de carros

Redação do Site Inovação Tecnológica - 16/07/2012

Copiloto inteligente evita colisão de carros
Estação de testes, de onde o pequeno veículo experimental é controlado remotamente.
[Imagem: Sterling Anderson/MIT]

Anjo da guarda dos motoristas

Um motorista dirige um carro por um campo de provas, pontilhado por cones e alguns barris.

Um pesquisador instrui então o motorista, que está dirigindo o carro por controle remoto, a conduzi-lo diretamente para cima de um barril.

Contudo, por mais que o motorista tente obedecer a instrução, antes que a colisão ocorra o carro desvia-se do barril.

Passado o perigo, depois que o veículo retorna ao curso anterior, o comando é devolvido ao motorista.

A demonstração ocorreu em Salinas, nos Estados Unidos, e o pesquisador era Sterling Anderson, do MIT, que desenvolveu o "sistema de segurança veicular semiautônomo".

Copiloto inteligente

O sistema, cujo nome Anderson simplificou para "copiloto inteligente", utiliza uma câmera e um detector de proximidade a laser para identificar riscos de colisão.

Sensores podem ser adicionados conforme a necessidade, mas a grande inovação está em um algoritmo que analisa os dados e identifica zonas seguras para trafegar.

Enquanto o motorista se mantém dentro dessas zonas de segurança, o copiloto deixa que ele dirija à vontade.

Mas basta o motorista assumir algum risco - ou outro veículo ou pedestre surgir repentinamente à frente - para que o copiloto virtual assuma imediatamente o controle do veículo.

O motorista só conseguirá fazer alguma coisa depois que o computador tiver colocado o carro de novo na zona de segurança.

Direção compartilhada

"A inovação real é permitir que o carro compartilhe o controle com você," afirma Anderson. "Se você quiser dirigir, ele apenas vai se certificar de que você não se choque com nada."

O pesquisador afirma que a tecnologia pertence à mesma classe dos sistemas de estacionamento automatizado, já presentes em alguns veículos de série.

Já foram realizados mais de 500 testes com o copiloto inteligente. Houve alguns incidentes, que os pesquisadores atribuíram a falhas na câmera, e não no algoritmo.

Agora eles estão trabalhando para inserir um conjunto mais completo de sensores, na tentativa de tornar o sistema à prova de falhas.







Outras notícias sobre:
  • Tecnologia Automotiva
  • Veículos
  • Inteligência Artificial
  • Veículos Híbridos e Elétricos

Mais tópicos