Destaques e Imagens

Imitando a natureza: beleza e funcionalidade por meio da nanotecnologia

Redação do Site Inovação Tecnológica - 19/01/2009

Imitando a natureza: beleza e funcionalidade por meio da nanotecnologia
[Imagem: Aizenberg lab]

Espiral universal

Das moléculas de DNA até as gigantescas galáxias, as estruturas em espiral são tão abundantes quanto úteis na natureza.

Utilizando a nanotecnologia, cientistas descobriram como produzir materiais em formato helicoidal que, além de belíssimos, poderão ter utilidade em aplicações tão distintas quanto o armazenamento e a transmissão de informações até a liberação de medicamentos no interior do corpo humano.

As nanocordas desenvolvidas por pesquisadores da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, montam-se autonomamente a partir da dissolução de nanobastões em um líquido volátil.

Quando o líquido se evapora, as forças de capilaridade atuam sobre os nanobastões, inicialmente fabricados em uma estrutura homogênea, fazendo-os deformarem-se e enrolarem-se uns aos outros, como as fibras em uma corda.

Nanocordas

Segundo a Dra Joanna Aizenberg, coordenadora da pesquisa, as nanocordas poderão ser utilizadas em energia e no armazenamento de informações, na fotônica, na fabricação de novos tipos de adesivos e, principalmente, na construção de novos sistemas de captura e liberação - espécies de mecanismos robóticos em nanoescala, que poderão ser empregados para o transporte e a liberação de medicamentos no interior do corpo humano.

Na foto, as nanocordas estão segurando uma esfera de poliestireno de 2,5 mm de diâmetro.

Bibliografia:

Self-Organization of a Mesoscale Bristle into Ordered, Hierarchical Helical Assemblies
Boaz Pokroy, Sung H. Kang, L. Mahadevan, Joanna Aizenberg
Science
January 2009
Vol.: 323. no. 5911, pp. 237 - 240
DOI: 10.1126/science.1165607




Outras notícias sobre:

    Mais Temas