Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Espaço

Primeiro mapa geológico da Lua guiará exploração e mineração

Redação do Site Inovação Tecnológica - 23/04/2020

Primeiro mapa geológico da Lua é guia para mineração espacial
Este mapa servirá como referência para a ciência lunar, para futuras missões humanas para a Lua e no auxílio a projetos de mineração espacial.
[Imagem: NASA/GSFC/USGS]

Minerais da Lua

Os interessados em mineração espacial estão em polvorosa.

O Serviço Geológico dos EUA acaba de lançar o primeiro mapa que ajuda a explicar a história do nosso satélite e pode guiar a busca por minerais.

É a primeira vez que toda a superfície lunar foi completamente mapeada e classificada, mostrando detalhes graças a uma alta resolução - o mapa está na escala de 1:5.000.000, o que é impressionante em se tratando do primeiro "mapa geológico espacial".

Mapas como esse - juntamente com levantamentos geofísicos e geoquímicos - são rotineiramente usados pelos geólogos aqui na Terra em busca de ocorrências ricas em metais ou minerais industriais.

O mapa lunar, chamado "Mapa Geológico Unificado da Lua", servirá como base para estudar a geologia da superfície da Lua e para apontar locais de pouso para futuras missões humanas, além de representar um recurso inestimável para os educadores e estudiosos.

"Este mapa é o ápice de um projeto de décadas," disse Corey Fortezzo, geólogo e principal autor do mapa. "Ele fornece informações vitais para novos estudos científicos, conectando a exploração de locais específicos na Lua com o restante da superfície lunar".

Primeiro mapa geológico da Lua é guia para mineração espacial
Detalhe do mapa, que apresenta uma resolução incomparável.
[Imagem: NASA/GSFC/USGS]

Mapa geológico da Lua

Para criar o mapa da Lua, os geólogos aproveitaram informações de seis mapas regionais da era Apolo e as juntaram às informações atualizadas das missões mais recentes de satélites de observação.

Os dados de elevação da região equatorial vieram de observações em estéreo coletadas pelas câmeras da recente missão SELENE (Selenological and Engineering Explorer) liderada pela JAXA, agência de exploração aeroespacial do Japão. A topografia para os pólos norte e sul foi complementada com os dados do altímetro a laser da sonda LRO da NASA, a responsável pelas fotos que nos mostraram a Lua como nunca havíamos visto antes.

Além dos redesenhos para permitir a fusão dos dados antigos com os novos, os pesquisadores também desenvolveram uma descrição unificada da estratigrafia, as camadas de rochas. Isso resolveu problemas de mapas anteriores, onde nomes de rochas, descrições e idades eram muitas vezes inconsistentes.

A versão em resolução total do mapa geológico da Lua pode ser baixado gratuitamente - veja endereço na Bibliografia.

Bibliografia:

Artigo: Release of the Digital Unified Global Geologic Map of the Moon At 1:5,000,000- Scale
Autores: C. M. Fortezzo, P. D. Spudis, S. L. Harrel
Revista: Proceedings of th 51st Lunar and Planetary Science Conference
Link: https://astrogeology.usgs.gov/search/map/Moon/Geology/Unified_Geologic_Map_of_the_Moon_GIS






Outras notícias sobre:
  • Corpos Celestes
  • Mineração
  • Monitoramento Ambiental
  • Exploração Espacial

Mais tópicos