Destaques e Imagens

Transístor, o presente de Natal do século, completa 60 anos

Transístor, o presente de Natal do século, completa 60 anos

No dia 23 de Dezembro de 1947 o mundo conhecia o transístor, o primeiro amplificador eletrônico de estado sólido. Mais do que substituir as válvulas eletrônicas, o transístor logo se revelaria como uma das ferramentas mais importantes já criadas pelo homem. E a humanidade nunca mais seria a mesma depois dele.

Transístor de germânio

O primeiro transístor media cerca de 1,5 centímetro e não era feito de silício, mas de germânio e ouro, montado sobre suportes de plástico.

Os transistores fabricados em escala industrial hoje medem 45 nanômetros, mais de 330.000 vezes menores. Em escala de laboratório, os cientistas já conseguiram fabricar transistores moleculares, centenas de vezes ainda menores.

Prêmio Nobel

Seguindo os avanços de vários outros cientistas, coube ao trio John Bardeen, Walter Brattain e William Shockley os méritos pela invenção do transístor. Eles receberam o Prêmio Nobel de Física de 1956 pelo seu invento.





Outras notícias sobre:

    Mais Temas