Plantão

Ministro defende repatriação de cientistas

Retorno de cérebros

Incentivar a volta dos cientistas brasileiros que estão no exterior e estimular a formação de redes fora do Brasil, articuladas com as instituições de pesquisa nacionais.

Na avaliação do Ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, estas são medidas necessárias para alavancar ainda mais a produção de conhecimento no Brasil.

Mercadante sustenta que, somente nas universidades norte-americanas, existem aproximadamente três mil professores brasileiros lecionando.

Sem citar fontes, ele afirma que muitos estariam interessados em participar de forma ativa do esforço nacional em ciência, tecnologia e inovação.

País interessante

No programa de rádio Bom Dia Ministro, produzido pela Empresa Brasil de Comunicação, Mercadante falou da estratégia de aproveitar o atual cenário de crescimento econômico para atrair talentos ao Brasil.

"O Brasil hoje é um país que está entre as economias que tiveram melhor desempenho na crise e está crescendo 7% ao ano. É um país que tem estabilidade e começou a ter políticas de inclusão social e distribuição de renda. Tem uma democracia consolidada, estado de direito e liberdade de imprensa. O Brasil virou um país que atrai a opinião pública mundial", ressaltou.

Mercadante citou iniciativas de sucesso implantadas pela Índia e pela China, que apostaram em políticas de incentivo e de aproximação dos seus cientistas em atuação fora do País.

Rede de inteligência

Outras experiências brasileiras também estão sendo avaliadas, com a intenção de montar uma rede de inteligência para trabalhos conjuntos e parcerias. A criação de um portal na internet e a oferta de bolsas também está nos planos do novo ministro.

"Há interesse, há disposição. Nós vamos eleger quais são as áreas estratégicas que nós queremos motivar e vamos oferecer bolsas para que esses pesquisadores venham para o Brasil, inclusive talentos estrangeiros, por um período, por exemplo, de dois anos, a chamada bolsa sanduíche ao contrário", afirmou Mercadante.





Outras notícias sobre:

    Mais Temas