Robótica

Robô cegonha vai entregar bebês corais

Robô cegonha vai entregar bebês corais
O robô coleta as larvas durante a desova e, após seu desenvolvimento, as dispersa nas áreas escolhidas. [Imagem: QUT]

Cegonha robótica

Engenheiros australianos transformaram um robô submarino, usado para observações ambientais, em um semeador robótico de corais.

O RangerBot, agora rebatizado de LarvalBot, está prestes a se tornar uma cegonha robótica para centenas de milhões de corais bebês em uma entrega especial que coincide com a desova anual na Grande Barreira de Corais, na costa da Austrália.

A espetacular reprodução sincronizada dos corais é um destaque no calendário dos cientistas em todo o mundo e deverá ocorrer no final de novembro. Centenas de milhões dessas larvas serão coletadas e cultivadas em grandes recipientes flutuantes na própria região.

Uma vez desenvolvidas - em torno de 5 a 7 dias depois - as minúsculas larvas de corais serão distribuídas pelos robôs em recifes selecionados como alvo.

Larvas cultivadas também serão distribuídas como "nuvens de larvas" em áreas de recifes danificadas, na tentativa de restaurá-las.

"Nosso objetivo é ter dois ou três robôs prontos para a desova de novembro. Um deles carregará cerca de 200.000 larvas e o outro cerca de 1,2 milhão. Durante a operação, os robôs seguirão caminhos pré-selecionados em altitude constante ao longo do recife e uma pessoa irá acionar a liberação das larvas para maximizar a eficiência da dispersão," disse o professor Matthew Dunbabin, da Universidade de Tecnologia de Queensland.

Cada robô deverá fazer a dispersão das larvas cobrindo uma área de 1.500 m2 por hora.

"Isso tem potencial para revolucionar a restauração de corais em recifes em todo o mundo," disse Peter Harrison, membro da equipe. "Nós concentramos as larvas e colocamos algumas delas no LarvalBot para que ele gentilmente esguiche as larvas em áreas de recifes mortos, permitindo que se estabeleçam e se transformem em pólipos de coral, ou corais bebês."





Outras notícias sobre:

    Mais Temas