Informática

Lançado um sequenciador de DNA para portas USB

Redação do Site Inovação Tecnológica - 22/02/2012

Sequenciador de DNA funciona plugado na porta USB
Os médicos poderão carregar seus próprios sequenciadores de DNA no bolso - além de portáteis, eles precisam apenas de uma porta USB para funcionar, [Imagem: Oxford Nanopore Technologies]

Lei de Moore da genética

O primeiro sequenciamento do DNA de um ser humano, feito pelo Projeto Genoma Humano, custou US$3 bilhões.

Até o ano passado, era possível encontrar o serviço nas páginas amarelas por algo entre US$5 mil e US$10 mil.

Em julho, contudo, sinalizando que as coisas estavam para mudar muito rapidamente, uma empresa anunciou o lançamento de sequenciador de DNA encapsulado em um único chip.

Em Dezembro, outra empresa finalmente apresentou o tão sonhado feito de um sequenciamento do genoma por US$1 mil.

Tudo já parece um tanto antiquado agora, quando um sequenciador de DNA assumiu o formato de um pequeno gadget a ser espetado na porta USB de um computador.

Sequenciador de DNA USB

O pequeno MinION, lançado pela empresa emergente Nanopore, ainda não é capaz de sequenciar genomas humanos, apenas genomas simples, como de vírus e bactérias.

Mas ele sequencia o genoma inteiro desses microrganismos em uma questão de segundos.

A empresa afirma que seu produto terá utilidade imediata no mapeamento do DNA de células em uma biópsia para avaliar o câncer, ou para determinar a "identidade genética" de fragmentos de ossos em escavações arqueológicas, determinando, por exemplo, se são ossos humanos ou animais.

A rigor, o pequeno aparelho pode fazer muito mais.

Imagine, por exemplo, os evasivos diagnósticos das "viroses" sendo substituídos por avaliações precisas.

Ou a identificação das bactérias presentes em uma infecção, possibilitando o uso de antibióticos de ação dirigida, ajudando a evitar o desenvolvimento da resistência bacteriana aos antibióticos de amplo espectro.

Sequenciador de DNA funciona plugado na porta USB
O mini-sequenciador tem a vantagem muito significativa de se basear na tecnologia dos nanoporos. [Imagem: Oxford Nanopore Technologies]

Sequenciadores de DNA de bolso

O genoma do vírus Phi-X, que foi o primeiro DNA a ser sequenciado pelos cientistas no início das pesquisas na área, serviu como demonstração do "sequenciador-USB".

A empresa afirma que, se é capaz de sequenciar o genoma do Phi-X, ainda que ele tenha apenas 5.000 pares de base, isso demonstra que é possível sequenciar genomas maiores, ainda que isso vá levar mais do que alguns segundos.

O mini-sequenciador tem a vantagem muito significativa de se basear na tecnologia dos nanoporos, uma das mais promissoras para os sequenciamentos muito precisos e muito mais rápidos do futuro.

E, claro, a comodidade de ser portátil e funcionar plugado a uma porta USB, o que permitirá que os médicos carreguem seus próprios sequenciadores de DNA no bolso.





Outras notícias sobre:

    Mais Temas