Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Energia

Einstein estava certo (de novo)

Redação do Site Inovação Tecnológica - 02/01/2006

Einstein estava certo (de novo)

Um instrumento ultra-preciso, chamado GAMS4, construído nos laboratórios do Instituto Nacional de Padronização e Tecnologia dos Estados Unidos, e agora instalado no Instituto Laue Langevin, na França, foi utilizado em um experimento que ajudou os cientistas a confirmarem a famosa equação de Einstein, E=mc².

A novidade foi a precisão com que a medição foi feita. O GAMS4 mediu o ângulo no qual raios gama são difratados por dois cristais idênticos, feitos de átomos separados por uma distância conhecida. Os dois cristais são os retângulos cinza-escuro sobre as plataformas circulares da foto.

Comparando as medições da energia emitida por átomos de enxofre e silício e a massa desses mesmos átomos, os cientistas descobriram que E é diferente de mc² em, no máximo, 0,0000004, ou quatro décimos de uma parte por milhão. Segundo o artigo, publicado no exemplar de 22 de Dezembro da revista Nature, o resultado é "consistente com a igualdade" e é 55 vezes mais preciso do que as medições anteriores.

Essas medições são importantes porque a relatividade especial é um princípio central da física moderna e é a base de muitos experimentos científicos, assim como de instrumentos de uso geral, como o sistema de posicionamento global (GPS).






Outras notícias sobre:
  • Metrologia e Padronização
  • Universo e Cosmologia
  • Nanopartículas

Mais tópicos