Mecânica

Engenheiros conseguem fazer os menores furos do mundo

Cientistas da Universidade de Cardiff, no País de Gales, desenvolveram um novo equipamento de furação tão sofisticado que eles conseguem fazer furos mais finos do que um fio de cabelo humano.

O diâmetro de um fio de cabelo humano varia entre 80 micra (0,08 milímetros) e 50 micra. Os engenheiros estão conseguindo fazer furos perfeitos com diâmetro de apenas 22 micra, os mais finos até hoje relatados.

"As brocas disponíveis comercialmente são capazes de fazer furos de 150 micra. Embora os lasers sejam capazes de fazer furos menores, eles têm menor qualidade quando comparados com os furos feitos pelo processo de descarga elétrica. Os lasers fazem furos que se afunilam, enquanto a descarga elétrica faz furos verticais ou paralelos," explica Frank Marsh, diretor do Manufacturing Engineering Centre.

O laser realmente tem problemas, mas também está sendo aprimorado. Recentemente, engenheiros alemães conseguiram fazer microfuros com extrema precisão utilizando os raios laser. Eles atingiram até 30 micra de diâmetro, em furos sem o problema da conicidade.

Para criar o novo processo, os engenheiros tiveram primeiro que construir um eletrodo minúsculo, com um diâmetro de apenas 6 micra. A produção do próprio eletrodo foi feita utilizando-se um processo de descarga elétrica de alta precisão, atuando sobre um fio.

"Acredita-se que os japoneses tenham concebido um processo assim em 1985 e, posteriormente, um artigo afirmou que eles haviam construído um eletrodo de 5 micra de diâmetro. Entretanto, nada chegou a ser noticiado," afirma Marsh, referindo-se a publicações científicas sobre o suposto feito.





Outras notícias sobre:

Mais Temas