Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Plantão

Programa Roda Viva vai para a internet

Fábio de Castro - Agência FAPESP - 18/06/2007

Programa Roda Viva vai para a internet

A TV Cultura e a FAPESP (Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado de São Paulo) anunciaram um acordo de cooperação que colocará no ar o Portal Roda Viva-FAPESP. Com o novo site, o público terá acesso gratuito às transcrições integrais das mais de mil entrevistas realizadas pelo programa Roda Viva nos últimos 21 anos.

Roda Viva

O anúncio foi feito durante a posse de Paulo Markun no cargo de presidente da Fundação Padre Anchieta, mantenedora da Rádio e TV Cultura. Markun, que terá um mandato de três anos, era diretor e apresentador do programa Roda Viva.

"O portal é um projeto apresentado ao Programa de Pesquisa em Políticas Públicas (PPPP) da FAPESP, que o financiou inteiramente. É uma iniciativa muito importante, porque, além de dar acesso universal ao conteúdo integral de todas as entrevistas realizadas no Roda Viva, funcionará como uma espécie de enciclopédia das temáticas tratadas no programa", disse Markun à Agência FAPESP.

Com um mecanismo de buscas que identifica palavras-chave, o público poderá pesquisar temas que foram abordados ou citados durante os programas e ter acesso a informações complementares. De acordo com Markun, o site está em fase de desenvolvimento e deverá ser inaugurado dentro de 30 a 60 dias.

Entrevistas

"Já temos uma versão piloto no ar, com as primeiras páginas de 16 entrevistas. Dentro de um ano todas as entrevistas já deverão estar transcritas e disponíveis na íntegra", disse o novo presidente da Fundação Padre Anchieta.

Markun afirma que cada entrevista será acompanhada de um trailer de dois minutos, mas o mais importante é o conteúdo em formato de texto. "Quem procura o Roda Viva está interessado no conteúdo discutido com os entrevistados. Concluímos que a melhor maneira de se apropriar desse conteúdo é o formato de texto, que permite copiar livremente e utilizar o material de muitas formas", disse o jornalista.

Estudos Avançados em Jornalismo

O presidente da FAPESP, Carlos Vogt, explicou que todo o projeto está sendo realizado com a colaboração da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) por meio do Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo (Labjor) e do Núcleo de Estudos de Políticas Públicas (Nepp).

"A criação do portal está em curso. Pesquisadores do Labjor estão trabalhando na transcrição e edição dos programas, sob a coordenação do professor Pedro Luiz Barros e Silva, diretor do Nepp", disse Vogt à Agência FAPESP.

De acordo com Vogt, o investimento da FAPESP no projeto foi de cerca de R$ 280 mil. Os recursos foram destinados ao trabalho de transcrição das fitas, edição, inserção no ar e desenvolvimento do portal.

"O portal terá uma importância cultural, científica e jornalística fantástica, dando acesso universal aos conteúdos do Roda Viva de forma organizada, com um sistema de busca de múltiplas entradas. Será muito útil para a educação em salas de aula, por exemplo", afirmou Vogt.







Outras notícias sobre:
  • Sites de Pesquisa
  • Eventos Científicos
  • Inovação nas Empresas
  • Software Livre

Mais tópicos