Meio ambiente

Atlas de Escassez de Água: Haverá água suficiente no futuro?

Atlas de Escassez de Água
O objetivo do Atlas de Escassez da Água é "ajudar o mundo a fazer escolhas mais sustentáveis". [Imagem: Water Scarcity Atlas]

Sustentabilidade da água

O Atlas de Escassez de Água é uma ferramenta educacional que acaba de ser disponibilizada gratuitamente.

Segundo seus criadores, Joseph Guillaume e Matti Kummu, da Universidade de Aalto, na Finlândia, o objetivo é "ajudar o mundo a fazer escolhas mais sustentáveis".

O Atlas permite visualizar como a escassez de água evoluiu nos últimos 100 anos e apresenta cenários potenciais para o restante deste século. O usuário pode explorar como diferentes fatores, como mudanças na dieta e desperdícios de alimentos, afetam os recursos hídricos em todo o mundo.

"Conforme aumenta o uso da água, fica mais difícil acessar o recurso de forma sustentável. Comer menos carne e evitar o desperdício de comida pode reduzir o consumo de água. Precisamos apoiar iniciativas de governos, ONGs e empresas com programas de manejo da água.

"É difícil encontrar um equilíbrio entre as necessidades ambientais e humanas, especialmente quando não há água suficiente. Podemos trabalhar juntos para ajudar os agricultores e outros usuários de água a adotarem novas técnicas e estabelecer arranjos de gestão eficazes," afirmou Guillaume.

Sabemos, mas pouco fazemos

Nos países não tão pobres, cada pessoa usa em média de 3.000 a 5.000 litros de água por dia, dos quais a parte do leão não é consumida diretamente para beber ou se lavar - é gasta na produção dos alimentos que a pessoa ingere.

Os recursos hídricos do mundo estão se tornando uma questão cada vez mais premente à medida que as populações crescem e a mudança climática causa secas em regiões onde havia água suficiente.

Embora estudos já tenham fornecido várias maneiras de reduzir nosso consumo de água, essas informações valiosas geralmente não são utilizadas.

A ideia dos dois pesquisadores, ao elaborar o Atlas de Escassez de Água, é justamente comunicar melhor os resultados dessas pesquisas para um público mais amplo, esperando que elas passem a influenciar mais a atitude de cada um.

Uma versão interativa do atlas pode ser consultada no endereço https://waterscarcityatlas.org.





Outras notícias sobre:

    Mais Temas