Plantão

Instituto de Aeronáutica planeja segunda fase do projeto Sara

Instituto de Aeronáutica planeja segunda fase do projeto Sara
Satélite de Reentrada Atmosférica do projeto Sara.[Imagem: IEA/Divulgação]

O Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE), em São José dos Campos (SP), está finalizando a segunda fase do projeto Sara (Satélite de Reentrada Atmosférica), que consiste na revisão de pré-lançamento.

O lançamento está programado para ocorrer dentro da operação São Lourenço, marcada para o período de 13 de outubro a 7 de novembro no Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), no Maranhão.

Plataforma espacial

O projeto Sara consiste no desenvolvimento de uma plataforma espacial para experimentos em ambientes de microgravidade de curta duração - por volta de oito minutos.

O equipamento é destinado a operar em órbita baixa, a cerca de 300 quilômetros de altitude, por um período máximo de dez dias.

A ideia é que o Sara seja uma plataforma industrial orbital para a qualificação de componentes, materiais espaciais e equipamentos.

Além disso, a intenção é que o satélite abra mais possibilidades na concretização de projetos de pesquisa e incremento nas mais diversas áreas e especialidades como biologia, biotecnologia, medicina, combustão e fármacos, entre outras.

A longo prazo, o objetivo é avançar para a nova geração de veículos de reentrada e para as aeronaves hipersônicas. O Sara trará autonomia para que possam ser feitos experimentos de microgravidade no País e manterá em alto nível a operacionalidade dos centros de lançamento.





Outras notícias sobre:

    Mais Temas