Plantão

Ministério lança portal para promover indústria 4.0

Mercado virtual de tecnologia

O Ministério da Indústria e Comércio lançou hoje o Portal HUB i4.0, com objetivo de promover a indústria 4.0.

A empreitada é um esforço conjunto entre o governo e o setor privado.

"Temos que investir em inovação e iniciativas que aumentem a nossa produtividade para garantir uma indústria mais forte e competitiva. Assim como já acontece em outros países, o Brasil precisa promover transformações inovadoras de eficiência, qualidade e redução de custos em seus parques industriais, para assim garantir ganhos expressivos de competitividade," declarou o ministro interino Marcos Jorge.

O portal traz temas como robótica, internet das coisas, inteligência artificial e armazenamento de dados na nuvem.

Como, além da tecnologia, a indústria 4.0 deve permear ações de melhoria do ambiente de negócios, foram listadas 10 medidas, como sensibilização e engajamento da indústria, financiabilidade e conexões globais.

A ferramenta vai funcionar como um mercado virtual de tecnologia, ou seja, um modelo de negócio eletrônico que oferta produtos e serviços de diversos vendedores em um único ambiente. "Permitirá também que bancos e agentes financeiros ofereçam crédito e mecanismos adicionais de financiabilidade para o apoio das indústrias de qualquer segmento econômico", acrescentou Jorge.

O portal pode ser acessado no endereço https://www.hubi40.com.br/.

Importar em vez de reindustrializar

Por outro lado, em lugar de incentivar a instalação de indústrias no país, o Governo Federal acaba de zerar a alíquota de importação de robôs industriais.

"Pagávamos 14% para importar robôs e agora, numa decisão da Câmara de Comércio Exterior, um colegiado de ministros brasileiros, reduzimos esse imposto a zero. Não se paga mais nada para importar robôs colaborativos para trabalhar nas nossas indústrias," disse o ministro interino.





Outras notícias sobre:

    Mais Temas