Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Plantão

Molécula estranha é encontrada na atmosfera de Titã

Redação do Site Inovação Tecnológica - 28/10/2020

Molécula estranha é encontrada na atmosfera de Titã
A molécula não é estável na atmosfera da Terra e nunca foi detectada em nenhuma outra atmosfera.
[Imagem: Conor Nixon/NASA's Goddard]

Molécula estranha

Cientistas da NASA identificaram uma molécula na atmosfera de Titã que nunca foi detectada em qualquer outra atmosfera - mesmo aqui na Terra, essa substância só existe em condições controladas de laboratório.

A lua de Saturno é a única lua do Sistema Solar conhecida até agora que possui uma atmosfera significativa, o que a torna uma das melhores candidatas a apresentar vida fora da Terra.

Mas a presença do ciclopropenilideno (C3H2) é inesperada porque esse é um composto só detectado até hoje em ambientes extremos de nuvens moleculares de gás e poeira - como na Nuvem Molecular de Taurus, um berçário estelar a mais de 400 anos-luz de distância da Terra.

Conor Nixon e seus colegas notaram o C3H2 enquanto examinavam um espectro de assinaturas de luz coletadas pelo radiotelescópio ALMA, no Chile.

Encontrar esse composto em uma atmosfera é uma surpresa porque o ciclopropenilideno reage facilmente com outras moléculas com as quais entra em contato, formando espécies diferentes. Nas regiões muito frias e difusas das nuvens moleculares há pouca coisa com que reagir, mas atmosferas densas como a de Titã são plenas de atividade química.

Diferente de qualquer outra lua no Sistema Solar - conhecemos mais de 200 - Titã tem uma atmosfera densa que é quatro vezes mais densa que a da Terra, além de nuvens, chuva, lagos e rios, e até mesmo um oceano subterrâneo de água salgada. É por isso que há tanto interesse em pesquisar Titã em busca de formas de vida.

Molécula estranha é encontrada na atmosfera de Titã
Imagens em infravermelho (calor) de Titã, um dos locais mais promissores para existência de vida fora da Terra.
[Imagem: NASA/JPL-Caltech/University of Nantes/University of Arizona]

Moléculas cíclicas

O ciclopropenilideno é a única outra molécula "cíclica" - um anel fechado - além do benzeno que foi encontrada na atmosfera de Titã até agora. Embora o C3H2 não esteja presente nas reações biológicas, moléculas de circuito fechado como ele são importantes porque formam os anéis da estrutura principal para as nucleobases de DNA, a estrutura química complexa que carrega o código genético da vida e do RNA, outro composto crítico para a emergência da vida.

"É uma pequena molécula muito estranha, então não é do tipo que você aprende na química do colégio ou mesmo na graduação," disse o pesquisador Michael Malaska. "Aqui na Terra, não vai ser algo que você vai encontrar."

Bibliografia:

Artigo: Detection of Cyclopropenylidene on Titan with ALMA
Autores: Conor A. Nixon, Alexander E. Thelen, Martin A. Cordiner, Zbigniew Kisiel, Steven B. Charnley, Edward M. Molter, Joseph Serigano, Patrick G. J. Irwin, Nicholas A. Teanby, Yi-Jehng Kuan
Revista: The Astronomical Journal
Vol.: 160, Number 5
DOI: 10.3847/1538-3881/abb679





Outras notícias sobre:
  • Corpos Celestes
  • Telescópios
  • Indústria Química
  • Monitoramento Ambiental

Mais tópicos