Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Espaço

Astronautas em hibernação podem viabilizar missão a outros planetas

Redação do Site Inovação Tecnológica - 18/12/2019

Astronautas em hibernação podem facilitar missão a outros planetas
A animação suspensa está presente no cinema há décadas. E pode se tornar realidade nas próximas décadas.
[Imagem: 20th Century Fox/Divulgação]

Hibernação de astronautas

A ESA (Agência Espacial Europeia) está trabalhando em um conceito até agora visto apenas na ficção científica: a hibernação de astronautas.

Segundo a agência, para que missões futuras de longa duração sejam bem-sucedidas, serão necessárias mudanças radicais na maneira como os astronautas operam no espaço.

E colocar os astronautas em um estado de animação suspensa pode ser o caminho a percorrer. Além do mais, a tecnologia poderia servir para trazer para a Terra alguma criatura extraterrestre encontrada durante as explorações.

Os resultados da equipe reunida pela ESA mostram que a adoção da animação suspensa seria benéfica não apenas para os astronautas, mas também para o orçamento, permitindo construir naves espaciais menores. Removendo o espaço de vida da tripulação que não seria mais necessário e diminuindo os suprimentos, a equipe concebeu um projeto que diminui a massa da espaçonave em um terço.

"Nós trabalhamos no ajuste da arquitetura da espaçonave, sua logística, proteção contra radiação, consumo de energia e projeto geral da missão. Focamos em como uma equipe de astronautas poderia ser melhor colocada em hibernação, o que fazer em caso de emergências, como lidar com a segurança humana e até mesmo qual impacto a hibernação teria na psicologia da equipe.

"Finalmente, criamos um esboço inicial da arquitetura do habitat e criamos um roteiro para alcançar uma abordagem validada para hibernar humanos em Marte dentro de 20 anos," disse o pesquisador Robin Biesbroek.

Astronautas em hibernação podem facilitar missão a outros planetas
As naves poderão ser menores (direita) se os astronautas ficarem dormindo durante a viagem.
[Imagem: ESA]

Hibernação

Embora a equipe afirme que o projeto tem um enfoque eminentemente prático, nem o conhecimento da fisiologia humana e nem a tecnologia atual permitem ainda em pensar na hibernação nos moldes vistos na ficção científica.

Por isso a ideia é caminhar rumo ao objetivo por etapas.

"Se formos capazes de reduzir a taxa metabólica básica de um astronauta em 75% - semelhante ao que podemos observar na natureza com grandes animais em hibernação, como certos ursos -, poderíamos ter uma economia substancial de massa e custos, tornando as missões de exploração de longa duração mais factíveis," disse a pesquisadora Jennifer Ngo-Anh.

Astronautas em hibernação podem facilitar missão a outros planetas
Esboços de sistema de hibernação, ou animação suspensa.
[Imagem: ESA]

Métodos já testados

Os pesquisadores da ESA acreditam que "a ideia básica de colocar astronautas em hibernação de longa duração não é tão maluca assim".

"Um método amplamente comparável tem sido testado e aplicado como terapia em pacientes de trauma sob cuidados intensivos e pacientes que devem sofrer grandes cirurgias por mais de duas décadas. A maioria dos grandes centros médicos possui protocolos para induzir hipotermia em pacientes, a fim de reduzir seu metabolismo para basicamente ganhar tempo, mantendo os pacientes em uma forma melhor do que eles estariam," afirmou Ngo-Anh.

A equipe pretende agora começar a estudar como esses mecanismos de desaceleração do metabolismo afetam os circuitos cerebrais - primeiramente em animais e, mais no futuro, em pacientes humanos.







Outras notícias sobre:
  • Exploração Espacial
  • Biotecnologia
  • Universo e Cosmologia
  • Biomecatrônica

Mais tópicos