Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Informática

Tela mais fina do mundo é feita de bolha de sabão

Redação do Site Inovação Tecnológica - 03/07/2012

Tela mais fina do mundo é feita de bolha de sabão
A membrana coloidal usa uma receita mais aprimorada para criar bolhas de sabâo mais resistentes, incluindo glicerina, açúcar, sabão, água e leite em pó.
[Imagem: Yoichi Ochiai]

Membrana coloidal

Pesquisadores japoneses criaram uma tela feita de bolha de sabão.

Como as bolhas de sabão estouram muito facilmente, Yoichi Ochiai e seus colegas criaram uma receita que as torna mais duráveis, criando o que eles chamam de uma "membrana coloidal".

Devido às partículas dispersas em seu interior, a membrana coloidal apresenta o chamado efeito Tyndall - lembre-se de como é possível ver um feixe de luz do sol atravessando uma sala enfumaçada.

A seguir, eles usaram ultrassons para fazer as membranas vibrarem, alterando as propriedades de reflexão do material e permitindo que elas mostrem as imagens.

Um aparato consistindo de várias telas de bolha de sabão em sequência permite até mesmo a projeção de imagens 3D.

FDRB

O princípio por trás do funcionamento da tela inusitada chama-se FDRB - função de distribuição de reflectância bidirecional -, essencialmente uma função que define como a luz é refletida por uma superfície.

A reflexão da superfície, nesse caso a membrana, é controlada por meio das ondas ultrassônicas.

Assim, além da projeção propriamente dita, é necessário controlar um conjunto de alto-falantes, que "projetam" as ondas ultrassônicas sobre a membrana, o que altera a rugosidade da membrana, fazendo a imagem aparecer.

Tela mais fina do mundo é feita de bolha de sabão
Várias imagens mostradas na tela de bolha de sabão.
[Imagem: Yoichi Ochiai]

Tela vibrante

"Já houve muitas pesquisas em telas FDRB dinâmicas no passado. Contudo, nosso trabalho é diferente em vários pontos," disse o Dr. Ochiai, da Universidade de Tóquio.

"Nossa tela de membrana pode ser controlada usando vibrações ultrassônicas. A membrana muda sua transparência e as características da superfície dependendo da escala das ondas ultrassônicas," completou.

Ele criou a tela de bolha de sabão juntamente com seus colegas Alexis Oyama (Carnegie Mellon) e Keisuke Toyoshima (Universidade de Tsukuba).

Sei lá, entende?

E quais seriam as aplicações possíveis de uma tela de bolha de sabão?

Os pesquisadores se lembraram de museus e trabalhos artísticos, além da própria demonstração da técnica, que, deve-se dar o devido crédito, criou a tela mais fina do mundo.

Mas, como em todas as tecnologias emergentes, sugestões são sempre bem-vindas.






Outras notícias sobre:
  • Telas e Monitores
  • Interfaces
  • Imagens 3-D
  • Indústria Química

Mais tópicos