Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Espaço

NASA ativa primeiro posto de combustível espacial

Redação do Site Inovação Tecnológica - 08/03/2012

NASA ativa primeiro posto de combustível espacial.
O módulo RRM (Missão de Reabastecimento Robótico), já agarrado pelo Dextre, antes de ser instalado em sua plataforma permanente.
[Imagem: NASA]

Posto-laboratório

A NASA acaba de colocar em operação o primeiro posto de combustível espacial.

Os astronautas a bordo da Estação Espacial Internacional ativaram a tão esperada missão RRM (Robotic Refueling Mission, ou missão de reabastecimento robótico).

A seguir, ela foi controlada remotamente pelos operadores em terra.

O "posto espacial" é uma estação experimental localizada do lado de fora da Estação e operada pelo robô espacial Dextre.

Na verdade o chamado posto espacial é um laboratório, ainda não é capaz de abastecer um satélite de verdade.

O objetivo dos testes é desenvolver as tecnologias, ferramentas e técnicas para permitir missões de reabastecimento robotizado de satélites artificiais em operação.

Robô espacial

Esta é a primeira vez que o Dextre, fabricado pela Agência Espacial Canadense, é usado para os objetivos principais para os quais ele foi projetado, ou seja, para apoiar experimentos científicos e tecnológicos.

Durante os testes, engenheiros no Centro Espacial Johnson controlaram remotamente o Dextre para retirar as "tampas do tanque de combustível" normalmente usadas em satélites - as tampas são simulações montadas dentro do módulo RRM.

Depois de tirar a tampa com sucesso, os engenheiros fizeram o reabastecimento e simularam diversas outras situações, incluindo a manipulação de peças dentro do módulo.

O rack possui peças dos tipos mais comuns de satélites artificiais em operação, a maioria dos quais não foi projetada tendo o reabastecimento espacial em mente.

Abastecimento robótico

O módulo RRM continuará sendo usado nos próximos dois anos para demonstrações e testes de técnicas e ferramentas.

O objetivo final é usar o conhecimento obtido para desenvolver naves autônomas que possam ir ao espaço levar combustível para satélites que estejam ficando com o tanque vazio, o que normalmente significa o fim de sua vida útil.






Outras notícias sobre:
  • Robôs Espaciais
  • Satélites Artificiais
  • Estação Espacial Internacional
  • Veículos

Mais tópicos