Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Plantão

Robô Philae acorda na superfície do cometa

Redação do Site Inovação Tecnológica - 15/06/2015

Robô Philae acorda na superfície do cometa

[Imagem: ESA/ATG]

Philae no cometa

O robô Philae acordou depois de sete meses de hibernação na superfície do Cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko.

O módulo de aterragem foi lançado pela sonda espacial Rosetta, que está em órbita do cometa 67P desde agosto do ano passado.

O pouso foi mais conturbado do que o planejado, com o Philae quicando pela superfície, até cair em um local até agora incerto, mas na sombra, o que impedia que seus painéis solares o alimentassem. Mas o robô não sofreu danos.

Por isso a missão científica do módulo de pouso ficou restrita ao tempo de duração das baterias - cerca de 57 horas -, prejudicada ainda pelo fato de que o Philae pousou de forma desajeitada, inclinado em apenas duas de suas três pernas.

O Philae desligou-se em 15 de novembro de 2014. Com a aproximação do Sol, desde 12 de março de 2015 a unidade de comunicações no orbitador Rosetta está ligada, à espera de um sinal do módulo.

O despertar de um robô

Agora, com o cometa 67P mais próximo do Sol, a luz atingiu os painéis solares do módulo de pouso, fazendo-o acordar e transmitir dados.

Durante 85 segundos, o Philae transmitiu 300 pacotes de dados através da sonda Rosetta, que foram recebidos no Centro de Operações da Agência Espacial Europeia, na Alemanha, e estão sendo analisados.

"O Philae está muito bem: tem uma temperatura de operação de -35ºC e há 24 Watts disponíveis," explicou o gerente do projeto, Stephan Ulamec. "O módulo de pouso está pronto para as operações."

Pela análise dos dados ficou claro que o Philae deve ter acordado antes: "Recebemos dados históricos - mas até agora o módulo de pouso não tinha sido capaz de nos contatar," disse Ulamec.

Agora os cientistas aguardam o próximo contato. Ainda há mais de 8.000 pacotes de dados na memória do Philae que irão fornecer à equipe informações sobre o que aconteceu ao Philae nos últimos dias.







Outras notícias sobre:
  • Robôs Espaciais
  • Corpos Celestes
  • Exploração Espacial
  • Sondas Espaciais

Mais tópicos