Logotipo do Site Inovação Tecnológica





Espaço

Nave espacial privada faz primeiro voo de teste

Redação do Site Inovação Tecnológica - 09/12/2010

Nave espacial privada faz primeiro voo de teste
A nave Dragon foi projetada para levar carga e astronautas para a Estação Espacial Internacional.
[Imagem: SpaceX]

Espaço privado

A SpaceX e a NASA anunciaram que cápsula Dragon executou com sucesso integral todas as etapas do seu primeiro voo de teste, realizado nesta quarta-feira.

A nave Dragon está sendo projetada para levar carga e astronautas para o espaço, podendo assumir configurações para levar somente carga, somente tripulação, ou uma combinação dos dois.

Apesar do estreito apoio da NASA ao projeto, esta é a primeira nave espacial com controle privado a subir ao espaço, e marca o primeiro resultado do projeto de privatização dos vôos espaciais, iniciado pela agência espacial norte-americana com o lançamento do seu programa Serviços de Transportes Orbitais Comerciais (COTS).

É também a primeira alternativa norte-americana para substituir os ônibus espaciais, que estão ensaiando a aposentadoria desde meados deste ano - o último voo do Atlantis está previsto para Abril de 2011.

Atualmente, a Agência Espacial Europeia possui um cargueiro espacial, o ATV, e a JAXA está em estágio adiantado com o cargueiro japonês HTV.

Sonhos mais altos

A nave foi lançada a bordo de um foguete Falcon. Depois de dar duas voltas em torno da Terra e fazer alguns testes de navegação, a sonda acionou seus motores para a reentrada na atmosfera, posicionando-se com seu escudo protetor antitérmico voltado para a Terra.

Nave espacial privada faz primeiro voo de teste
A Dragon, que é reutilizável, desceu de pára-quedas no Oceano Pacífico, a cerca de 800 quilômetros da costa do México.
[Imagem: SpaceX/NASA]

Segundo a SpaceX, o escudo térmico da Dragon é capaz de suportar o calor gerado pela reentrada da sonda em alta velocidade, como as que ocorreriam em missões além da órbita baixa da Terra, incluindo a Lua.

A Dragon, que é reutilizável, desceu de pára-quedas no Oceano Pacífico, a cerca de 800 quilômetros da costa do México.

Sistema de navegação

Entre as tarefas do ônibus espacial Discovery, cujo lançamento foi adiado por um problema no tanque de combustível, está um sistema de navegação para guiar a nave Dragon em sua aproximação da Estação Espacial.

A nave não possui um sistema de atracação automática, e deverá ser capturada pelo braço robótico da Estação Espacial Internacional.

A NASA já tem um contrato com a SpaceX, que prevê 12 voos de carga a serem realizados entre 2012 e 2015.







Outras notícias sobre:
  • Exploração Espacial
  • Foguetes
  • Estação Espacial Internacional
  • Telescópios

Mais tópicos